terça-feira, 18 de maio de 2010

Dando nome aos bois

Pois é galera, passei algumas agradáveis horas atualizando minha teimosice. Vou explicar o que aconteceu. Quando comecei este blog, temei com a idéia da ausência de diferenciação, com o lance de as joaninhas serem um genérico, poderem se chamar João ou Joana de acordo com a situação e etc. Seguindo essa linha temática, as tirinhas eram apenas números, incolores e inodoros (e com os quais, mesmo assim, gosto de brincar quando vejo uma brecha), separadas por interlúdios, que indicam os períodos de férias delas, e por alguns outros eventuais posts. Fica bonito, organizadinho. Mas o Google e outros mecanismos de busca não entendem a brincadeira. Então, visando facilitar o trabalho deles em encontrar o site, resolvi nomear, uma a uma, todas as tirinhas já postadas aqui. Inseri também na barra lateral um espaço para busca dentro do site, pra facilitar as investigações que a perícia precisar fazer por aqui. Além disso, o título pode servir para orientar os leitores sobre as tirinhas, há algumas em especial que são um tanto quanto "abertas", de interpretação muito ampla - o que gosto muito de fazer, é uma estrutura parecida com a da poesia - e os títulos podem ajudar a fechá-la. Ou a acabar com sua graça, não sei, descobriremos juntos. Me contem o que acharam da mudança ao longo de suas leituras, okdok?

2 comentários:

Gui Janini disse...

Com título fica mais chamativo, sem dúvidas. Eu não percebo os títulos como sendo os títulos das tirinhas, e sim os títulos dos posts. Não acho de maneira alguma que eles sejam restritivos.

Pedro Hutsch Balboni disse...

Legal Gui! Valeu pelo feedback :)

 
#navbar { height:0px; visibility:hidden; display:none }