segunda-feira, 21 de fevereiro de 2011

422 - A propagção do Budismo

422

3 comentários:

Rayto de Lua disse...

Essa foi ótima! Adorei, vou levar para as aulas de filosofia. hehe Abraços!!!

Pedro Hutsch Balboni disse...

Boa, use sim! ;)

Paulo Manoel disse...

A observação é interessante. Mas não deve ser tratada como exclusividade do Budismo. A "propAgação" do Cristianismo começou com os apóstolos.
O desejo é inerente ao ser humano. O mal está na proliferação da propaganda do desejo com segundas intenções. (vide programação evangélica nas madrugadas televisivas).

 
#navbar { height:0px; visibility:hidden; display:none }